Por Saron...
" Evoluir, tenho essa necessidade na alma. Ser um pouco mais. Mas pra ser um pouco mais preciso ser menos de mim mesmo.
Porque evoluir entra num contexto de ser mais tolerante, exercer o ato de se humilhar e reconhecer erros. De perdoar também.
De ser mais altruísta , menos egoísta.
Sabedoria pra simplificar a vida.
A cada dia tento evoluir 1cm do meu ser por vez. Pouco?!?
Grandes mudanças ocorre aos poucos, devagarinho... E assim vou indo."

Moça Flor

Gostou???


Visitem minha lojinha virtual e confiram todos os produtos apresentados no slide.
Atelier Saron Calazans
ou

O que procura No Meu Pequeno Mundo

15 de agosto de 2012

Nesse entrelaçar de linhas...

Recomeçar
 Não importa onde você parou, em que momento da vida você cansou, o que importa é que sempre é possível e necessário "Recomeçar".
 Recomeçar é dar uma nova chance a si mesmo.
 É renovar as esperanças na vida e o mais importante: acreditar em você de novo.
( Paulo Roberto Gaefke)




Há 1 ano atras eu escrevi um post que tem por titulo Reciclando a alma.
Abrir nossos corações e mentes, aprender coisas novas .Buscar por uma mudança.Mudar aquilo que nos incomoda...
Pra saber por onde começar , faça a si mesmo a seguinte pergunta;o que te incomoda e o que vc pode fazer para ser um pouco mais feliz?


Naquela época revir alguns conceitos.Abrir minha mente e coração para aprender a fazer crochê.
E Cheguei ate mostrar um coraçãozinho que fiz...
Sei é bobo...Mas pra mim era algo dificilmente, quase impossivel aprender.Falei da  falta de paciencia que tinha quando tentei aprender aos 14 anos...Anos mais tarde , resolvi tentar novamente...Com a mesma dificuldade, mas com mais paciencia, mais centrada...Acabei aprendendo...
Li no blog da Ogmar sobre algumas mulheres  que estavam se sentindo meio que perdidas, sem rumo certo, mas que acabaram se encontrando no artesanato...E fiquei cá pensando o quanto o fato de ter aprendido a fazer crochê mudou a minha vida.Bobagem!?!?Pode ser pra vc...




Mas pra mim não...Naquela epoca queria aprender para fazer algumas coisas pra mim.
Mas vieram as encomendas e a cada comentario vindo de vcs me incentivavam.
Comecei a sentir um certa necessidade de mudança, o trabalho que tinha já não fazia mais com tanto prazer.Ia por ir, fazia por fazer...Resolvi então deixa-lo e com muito receio abrir minha lojinha.
Confesso , ser artesã não é facil.O artesanato ainda é pouco valorizado.Não ganho rios de dinheiro.
Mas dá pra pagar as continhas do mês...E tô Feliz!!!Feliz porque faço o que amo, porque acabei meio que me encontrando nesse entrelaçar de linhas.

Ah amores, minha maior felicidade é quando uma encomenda chega em mãos e recebo um email da pessoa elogiando.Tenho recebido muitos emails .Não só de pessoas que desejam encomendar algo.Mas de pessoas que simplesmente elogiam o que faço.Hj mesmo recebi um lá da Argentina.
Yo que no hablo español, tive que usar o google tradutor pra entende.(rsrsrrs)...





Essa mudança  na verdade começou no coração e se reflete em tudo que faço...
Uma coincidencia, quando comecei a fazer este post tinha o intuito de falar sobre recomeçar.Ai lembrei do post que fiz (Reciclando a alma).A coincidencia amores esta ai na data..Total sincronicidade!!!
Ou Talvez um aviso do cara lá do céu dizendo pra vc ;mude...busque .Viva novos cenarios, seja novos personagens, aprenda novas coisas, faça um novo corte de cabelo...E por ai vai...Medo amores todos nós temos.Mas vale apena arriscar de vez em quando...Termino esse longo texto com Fernando  Pessoa...

Há um tempo em que é preciso abandonar as roupas usadas, que já tem a forma do nosso corpo, e esquecer os nossos caminhos, que nos levam sempre aos mesmos lugares. É o tempo da travessia: e, se não ousarmos fazê-la, teremos ficado, para sempre, à margem de nós mesmos. 


20 comentários:

  1. Que lindo e motivador esse post,tenho muita vontade de aprender á crochetar mais não tenho quem me ensinar :-(
    E realmente precisamos deixar algumas coisas pra trás.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tami,
      Obrigada...Tami eu aprendir a crochetar por intermedio de videos na net.A principio, eu tive um aulinha com minha irmã.mas como ela não tinha muito tempo , foi aulinha de 30 min(rsrsr).Por isso recorrir aos videos...Bjos

      Excluir
  2. Oh Sa que coisa mais linda...

    Acho que veio a calhar neste meu momento...

    obrigado por dividir...e se Deus quiser ainda quero umas coisinhas suas aqui comigo...

    uma hora vai dar certo...eu amei o coraçãozinho...quero aprender...

    beijinhos e continue neste caminho...

    cintiachagalves@hotmail.com

    ResponderExcluir
  3. Lindo post, Saron!
    Gosto muito da frase que encerra o post, li há um tempo atrás e como é verdade, né!!!

    Seus crochês estão lindos e meigos!!
    Adorei!!

    Beijos... até mais!
    cantinhodadeborah.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Oi Saron,
    acho que muitas de nós passam ou passaram por isso,eu mesma passei...trabalhei fora,mais nunca fiz o que gostei e quando parei de trabalhar,comecei a ficar mais em casa,achei mais tempo para mim e sempre gostei de trabalhos manuais e amo tudo que faço.Acho que vem tudo ao seu tempo,a maturidade nos trás muitos benefícios,conseguimos ver com mais clareza o que nos faz bem,o que nos proporciona alegria.E com certeza,isso não tem preço!
    Eu amo ser mulher,mãe,esposa e ocupar meu tempo com a melhor terapia do mundo:Artesanato. Ah,não posso deixar de falar do mundo virtual, que nos abriu um campo ilimitado de conhecimento e novas amizades que amo de páixão!!!
    Adoro seus trabalho,dá para ver amor em cada pontinho,em cada correntinha!
    Beijos carinhosos,
    Mery

    ResponderExcluir
  5. Menina do céu, q post liiindo.Gostei da sinceridade e dos teus trabalhos...super bem feitos e de um capricho !!!!

    Vc mostra q qdo a gente quer muito uma coisa, luta, corre atrás e faz...vc fez !!!Parabéns.

    Aprendi croche, trico, bordado ainda criança e desde menina adorava ficar sentada (tinha minhas fases, nem era sempre q fazia :)e eu adoooooro até hoje, quer me ver feliz...agulha e linha na mão, fico hs quietinha.

    Vou te seguir...não se assuste, vou seguir teu blog.hehehehe

    E qdo fizer mais cupcakes vou usar tua idéia dos "granulados"...um luxo !!! :))

    Beijinhos
    Ana

    ResponderExcluir
  6. Que maravilha de post, Saron! Parabéns pelas sábias palavras!
    Um abração e feliz quinta-feira, Flor.

    Isabel Ramalho

    ResponderExcluir
  7. Falou tudo e está certíssima.
    Que seu caminho te leve ao sucesso sempre.
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Menina fiquei toda arrepiada de ler este post seu! Que lindo! Me identifiquei muito. Amo crochê, morro de vontade de aprender, já até comecei a tentar, mas logo desisti.Não me acho tão capaz...To precisando reciclar a alma. Bjoca! http://sandradaher.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. QUE BELAS PALAVRAS SARON!ACOMPANHO VC DESDE OS PRIMEIROS PONTOS...ROSAS MARRONA,NÃO ERAM?HOJE VC ESTÁ FERA NESTA LINDA ARTE!CONTINUE FAZENDO LINDEZAS!!BJS!!

    ResponderExcluir
  10. Que lindo seu post Saron!! siga em frente com seus objetivos,seus trabalhos são lindos e com certeza caminharam por muito mais sucesso!!! parabéns seus trabalhinhos estão encantadores.

    bjinhos Sue.

    ResponderExcluir
  11. Saron li seu comentário lá no meu bloguinho e dei risada , vc conseguiu me fazer rir quando disse que guardou o gráfico da torre pra TENTAR fazer (tá de brincadeira né?!)
    Vc faz coisas muito mais dificeis que isso pontinhos x kkkkkkkk.
    Saron vc perguntou sobre minha mãe ,ela esta aqui nesse momento chorando fazendo croche um caminho que minha tia pediu pra ela, as vezes ela chora e eu a deixo chorar pra aliviar um pouco não é fácil né mas tenho que deixar, hj assim como disse no seu post cortei o cabelo e pintei o dela o meu eu não pinto mais cansei.
    Saron viver do artesanato realmente não é tão fácil eu até tentei por um tempo mas não consegui, logo terei q voltar trabalhar e ai por ironia do destino vem as encomendas e eu me enrolo no mosaico.
    Saron acompanho seu blog a muito tempo e a mudança em vc e no blog é visivel parabéns vc é estremamente criativa!Quando eu voltar a trabalhar pedirei o bolinhuuuu acho fofo demais,mamãe poderia fazer mas acho que tenho vontade de ter o seu mesmo sei lá kkkkkk um beijo fica com Deus e obrigado sempre pelo carinho!Mmamis já acalmou bjus

    ResponderExcluir
  12. Oi! Vim aqui te agradecer pelo comentário. Obrigada de verdade pela ajuda e motivação. Será que vc sabe como eu consigo tirar as letras de verificação? Já tentei, mas não consegui... Bjos!

    ResponderExcluir
  13. Ownnnn, quanta fofurice Saron, acabei de vir da Ana e vi por lá cupcakes lindinhos e fofinhos e qd chego aqui mais deles sa~ lindos e delicados amo, pena nao sei fazer rs, parabéns a vcs que sabem fazer porque são umas fofuras.

    Saron um bju de boa noite.

    ResponderExcluir
  14. Bom dia lindinha tudo bem? Esse post caiu como uma luva pra mim, pois o desânimo está meio bravo aqui.Mas hoje vou tentar recomeçar....a Nina andou bem doentinha, diagnóstico errado de amigdalite, na verdade era estomatite, que é bem pior, daí o motivo maior do desânimo.
    Mas graças a Deus está melhorando. Estou preocupada com a encomendinha que enviei! Chegou?
    Beijos!!
    Simone

    ResponderExcluir
  15. Oi Saron, tudo bem querida?
    Nossa, amei o seu post, está perfeito e muito verdadeiro.
    Há seis anos atrás tive que dar uma virada na minha vida de muito mais de 360 graus rsrsr
    confesso que na época foi muito difícil abrir mão da estabilidade profissional que tinha e recomeçar um novo caminho...
    Até hj estou me adaptando, mas graças a Deus o pior já passou!
    Ainda não me dedico inteiramente ao artesanato,pois o trabalho fora, ainda consome todo o meu dia..., mas sempre digo pra minha mãe (minha companheira de todas as jornadas) que o meu desejo é passar os dias ao lado dela, fazendo artesanato e curtindo nossa casinha!
    Abraços menina e parabéns pela coragem!!!

    ResponderExcluir
  16. Pura verdade!!!!
    Cada palavra ... sim verdadeiramente.... o artesanato cura... modifica nossas vidas e transforma as circunstancias, nos direcionando para um outro caminho que é a alegria e a satisfação de poder fazer algo com suas proprias mãos.
    bjsssssssssssss e um ótimo final de semana.

    ResponderExcluir
  17. Oi Saron, além de ótima crocheteira, você é boa nas palavras...Adorei o post!
    Eu também optei por esse caminho há algum tempo e vou dizer: foi a melhor coisa que fiz.
    Como vc disse a gente não ganha rios de dinheiro, mas a felicidade que o artesanato proporciona não tem preço...
    Parabéns, amiga, pelo post e pela escolha.
    Beijos, sucesso e um lindo final de semana.

    ResponderExcluir
  18. Oi sou nova aqui, vim te visitar pq vi seus trabalhos lá no blog da Vero, quanta coisa linda vc faz, amei! parabéns pelo talento e concordo com vc, nossa atitudes mudam nossa vida, parabéns pela iniciativa, bjs e quando quiser me visita, cada vez mais sucesso, vc merece, tem muito talento!!!
    http://cantinhodasli.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Que lindo esse post...eu estou nessa fase, me sentindo muito sozinha de tomar conta do meu filho o dia todo e sem familia por perto no dia a dia...estou aprendendo artesanato, nao para vender, mas para pelo menos deixar minha casamais bonitinha, as coisas do meu filhote...te desejo toda sorte do mundo nas suas vendas, sao trabalhos realmente lindo e encantadores!
    Bjsss!

    ResponderExcluir

Bora lá...De o seu pitaco...
(Saron)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...